Pauderney perde comando do União Brasil e é exonerado da Sedecti

Compartilhe

Num só dia, o ex-deputado foi obrigado pela Justiça a deixar o comando do União Brasil no AM e exonerado pelo governador Wilson Lima do cargo de secretário

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM – O Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) suspendeu os efeitos da convenção partidária do União Brasil no dia 26 de abril de 2022. Com isso, Pauderney Avelino deixa a presidência da sigla no Amazonas. Hoje Pauderney também foi exonerado, pelo governador do Amazonas, Wilson Lima (UB), do cargo de titular da Secretaria de Desenvolvimento, Ciência, Tecnologia e Inovação (Sedecti-AM).

Avelino estava no cargo desde 20 de janeiro deste ano A exoneração será publicada no Diário Oficial do Estado (DOE), na quinta-feira, 18.

Já a decisão de anular a convenção do União Brasil, é do juiz de Direito, José Renier da Silva Guimarães, em tutela de urgência, na tarde desta quarta-feira, 17.

A ação foi movida pelo presidente da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), Roberto Cidade, pelos deputados estaduais Joana Darc, George Lins, Adjuto Afonso e Mario Cesar, pelos deputados federais Fausto dos Santos Junior e Saullo Vianna, além de Sérgio Paulo Monteiro Litaiff Filho e Rodrigo Costa de Lima – todos da base do governador.

Os parlamentares apontaram irregularidades na convenção de abril de 2022, como ausência de publicação com antecedência mínima de cinco dias do edital de convocação da Convenção Extraordinária e a publicação do edital em um jornal de pequena circulação que não tinha as informações mínimas como o prazo para candidatura e o número de membros a serem eleitos e, por causa disso, a convenção não contou com a participação do quórum qualificado de 3/5 dos convencionais, exigência do Estatuto Nacional do União Brasil.

“Com relação aos vícios da Convenção Extraordinária, verifico que, de fato, os documentos juntados aos autos demonstram certa opacidade jurídica no que diz respeito aos requisitos estatutários”, escreve o juiz.


Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *