Prefeitura alerta que vacinação contra influenza em Manaus segue baixa após dois meses de campanha

Compartilhe

Prefeitura alerta que vacinação contra influenza em Manaus segue baixa após dois meses de campanha

DEAMAZÔNIA MANAUS, AM – A campanha nacional de vacinação contra influenza continua tendo uma baixa adesão dos grupos prioritários na cidade de Manaus. Executada pela Prefeitura de Manaus, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), a campanha foi iniciada há dois meses, em 27/3, e atingiu apenas 62,85% de cobertura vacinal na capital amazonense até esta segunda-feira, 29/3.

A secretária municipal de Saúde, Shádia Fraxe, informa que 171 salas de vacina ficam abertas à população de segunda a sexta-feira, sendo que nove delas estendem o funcionamento até as 20h. Aos sábados, a vacina pode ser obtida das 8h às 12h em nove endereços, e aos domingos e feriados, o serviço é mantido na Clínica da Família Carmem Nicolau, no bairro Lago Azul, zona Norte.

“Estamos intensificando ações de busca ativa na comunidade e sensibilização sobre a importância da vacina, mas o feedback da população ainda está modesto. A meta é alcançar 90% de cobertura vacinal, e pedimos que os usuários façam sua parte para chegarmos a esse índice”, pontua Shádia.

A Semsa estima que 567.752 pessoas integram os sete grupos prioritários definidos pelo Ministério da Saúde para avaliação da cobertura vacinal. Até esta segunda, 356.855 doses foram aplicadas, ou seja, apenas 62,85% do público esperado.

“Apesar de estar liberada para toda a população, a partir dos 6 meses de idade, nosso principal objetivo é imunizar os grupos mais vulneráveis, que correm o risco de evoluir para quadros graves da doença se não estiverem protegidos”, lembra.

Índices

A secretária Shádia Fraxe observa que as crianças de 6 meses a 5 anos estão com o pior índice, com apenas 63,62% do público vacinado contra a influenza. Os idosos de 60 anos ou mais vêm logo depois, com 66,62% do público imunizado, e as gestantes, com 69,91%.

“Pedimos que as famílias, os pais ou responsáveis assumam o compromisso de levar sua criança ou seu familiar idoso o mais rápido possível em uma UBS para atualizar essa vacinação”, diz.

O número de doses aplicadas na população indígena (18,73%), aldeada e não aldeada, é atribuído a não identificação do usuário como tal na unidade de saúde, apesar de ser declarado indígena. Por outro lado, a imunização dos trabalhadores da saúde chega a 82,43%, dos professores, 97,49%, e das puérperas, 100%.

A campanha nacional de vacinação contra influenza será encerrada na próxima quarta-feira, 31/5, e a vacina seguirá disponível nos postos enquanto durarem os estoques.

“Não deixe de se vacinar por conta das fake news. As vacinas são seguras e importantes para manter nossos cidadãos saudáveis e livre das doenças”, destaca Shádia.

A lista com os endereços e horários das 171 salas de vacina da rede pode ser acessada no site semsa.manaus.am.gov.br ou diretamente no link bit.ly/salasdevacinamanaus. Mais detalhes sobre a campanha também podem ser obtidos nas redes sociais da secretaria (@semsamanaus no Instagram e Semsa Manaus no Facebook).


Compartilhe

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *